O “Método Comparativo” de Raffaele Pettazoni – Quem Foi?! XI

23 - 01 - 2018 / Gizcast

Fala pessoal do GizCast!

Quem Foi?! dá uma pausa na série dO Contrato Social, e Gabriel Bonz (@_gabrielbonz) vai falar sobre um dos mais importantes historiadores do século XX, Raffaele Pettazzoni (1883-1959). Fundador da chamada Escola Italiana de História das Religiões (ou Escola Romana de Antropologia Histórica), foi pioneiro nas concepções historicistas de história das religiões comparadas, historicizando completamente o conceito de religião.

Lembrando que qualquer dúvida, sugestão, indicação de convidado, é, não só bem vinda, como necessária. Para entrar em contato nos procure no Facebook, no Twitter ou no e-mail.

Agradecemos a Yann Cerri (@yanncerri) pela arte da capa e à Sapiens Solutions pelo suporte ao podcast.

Produção: Gabriel Bonz.
Participação: Gabriel Bonz.
Edição: Gabriel Bonz.
Arte da Capa: Yann Cerri.


Referência do início do programa:

“A natureza é o mundo da necessidade, enquanto a história é o mundo da liberdade e, portanto, da variedade e da comparabilidade. É somente através da comparação que é possível entender em seus próprios valores religiosos o advento da forma supranacional de religião: não em sua universalidade, que não existe em ato nem em potência, mas nas diversas formas de sua peculiaridade, isto é, nas formas individuais nas quais esses adventos foram produzidos e nas motivações históricas que, de vez em quando, o competem […].

Com este método, o que se pode verificar posteriormente com os fenômenos religiosos, estudando-os de modo extenso é, ao que me parece, um modo de historicizar o método comparativo. Em termos sistemáticos, se trata de superar a posição unilateral entre fenomenologia e historicismo integrando-lhes reciprocamente, o que potencializa a fenomenologia religiosa com o conceito historicista de desenvolvimento (svolgimento) e atualiza a historiografia historicista com a instância fenomenológica do valor autônomo da religião, restando como resultado a fenomenologia na história, o que reverbera à história religiosa o caráter de uma ciência histórica qualificada.”

(PETTAZZONI, Raffaele. “Il método comparativo”. Numen, vol. 6, fasc. 1. Roma: janeiro de 1958, pp. 11; 14.).


#GizCastAcessível: A capa tem uma foto em preto e branco do rosto de Raffaele Pettazzoni, um homem branco de cabelos curtos e brancos, que usa um bigode apenas e que parecia estar falando enquanto tiraram a foto. Está escrito em fonte Times New Roman maior “QUEM XI FOI?!” e, embaixo, “O Método Comparativo” de Raffaelle Pettazzoni. Ao redor da capa há uma simulação de moldura dourada.


Apoie o projeto: 

Curta no Facebook!
Siga no Twitter!
Siga-nos no Instagram!

© Giz Cast| 2015 - 2018 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. - DESENVOLVIMENTO E HOSPEDAGEM por SAPIENS SOLUTIONS